QUESTÃO 270 – YOUCAT: COMO SE COMPORTA A IGREJA PERANTE OS DIVORCIADOS CASADOS?

(Em edição)

YouCat responde: “Ela acolhe-os segundo o exemplo de Jesus. Quem, após um casamento católico, se divorcia e ainda durante a vida do seu consorte estabelece uma nova ligação encontra-se sem dúvida em contradição com a clara exigência de Jesus sobre a indissolubilidade matrimonial. A Igreja não pode abolir esta exigência. A revogação de fidelidade é oposta à EUCARISTIA.” [1665-1684]. 

E continua: “Longe de tratar por igual todos os casos concretos, o Papa Bento XVI fala de uma “situação dolorosa” e exorta os pastores “a discernirem bem as diferentes situações, para ajudarem espiritualmente e de modo adequado os fiéis implicados”. (Sacramentum caritatis, n.º 29). 424.

Papa_Francisco-casamento

Celebração em que o Papa Francisco realiza o casamento de uma mãe solteira e um divorciado. http://www.movenoticias.com/2014/09/

 

REFLEXÃO

Aprendemos de Jesus que o Reino é do Pai, Deus,  e todos devemos buscar realizar a vontade de Deus em nossas vidas, seja no Céu ou na Terra. E também devemos pedir ajuda a Deus para não cairmos em tentação, tal como ocorreu com nossos primeiros pais terrenos. Significa que todos somos insistentemente tentados pelo inimigo de Deus; desde o princípio, o inimigo não se cansa de impor sua vontade, sua mentira; por isto, precisamos da ajuda de Deus para não cairmos em tentação.  Somos feitos voltados para a imutável, eterna, realidade de Deus; é para Deus que devemos caminhar; e, insensato querer adaptar o Criador às circunstâncias de Suas criaturas.

Isto explica a responsabilidade da Santa Igreja, a quem foi dada a suprema tarefa de guardiã da fé, com vista à salvação eterna dos seres humanos. Eis o objetivo da fé e do serviço da Igreja, neste mundo!…  A luta é renhida. Jesus mesmo o disse quando mencionou a não prevalência das portas do inferno contra a Igreja. 




One thought on “QUESTÃO 270 – YOUCAT: COMO SE COMPORTA A IGREJA PERANTE OS DIVORCIADOS CASADOS?

  1. Diego

    Pedro, acho que você se esqueceu de um trecho na resposta do §270 do Youcat:

    “A revogação de fidelidade é oposta à EUCARISTIA, na qual a Igreja celebra precisamente a irrevogabilidade do amor de Deus; por isso, quem vive em tal situação contraditória não pode aceder à Sagrada Comunhão”

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *