QUESTÃO 338- YOUCAT: O QUE É A GRAÇA?

(Em edição)

QUESTÃO 338: O QUE É A GRAÇA?

 

GraçadeDeus

   Quarta Igr. Batista – C. Grande. Blog dos Pastores 

YouCat responde: Por graça entende-se a dedicação livre e amorosa de Deus a nós, a Sua bondade em ajudar-nos, a força vital que d’Ele vem. Pela cruz e pela ressurreição, Deus dedica-Se rotalmente a nós, comunicando-Se a nós na graça. A graça é tudo o que Deus nos concede, sem que mínimamente o mereçamos. [1995-1998, 2005-2021]

E continua: A “graça”, diz o Papa Bento XVI,  “consiste em ser olhado por Deus, ser tocado pelo Seu amor. “A graça não é uma coisa mas, a autocomunicação de Deus ao ser humano. Deus nunca dá menos que a Si mesmo. Na graça, estamos em Deus.

Citações: 

  • JUSTIFICAÇÃO: Trata-se do conceito central da “doutrina sobre a graça”, que significa a reconstituição da correta relação entre Deus e o ser humano. Porque só Jesus Cristo reativou esta corretas relação (“justiça”), apenas nos podemos apresentar diante de Deus quando somos “justificados” por Cristo e entramos na Sua relação intecta com Deus.  

   REFLEXÃO

O artesão pode lançar mão da argila e moldar um útil e belo jarro, de formas harmoniosas e desenhos incríveis, uma verdadeira obra-prima, produzida com muita habilidade, amor e carinho, objetivando ascender à posição de mestre.

A bela e útil obra de arte é fruto da inteligência, da habilidade e do amor do artesão, resultado de um aprendizado, acúmulo de experiências, fruto de uma multiplicidade de tentativas e erros; no entanto, tendo faltado o sopro, o barro continua barro (sem vida) e o artesão continua um mortal mesmo que se sinta imortalizado em sua obra inerte, inanimada.

Deus não precisa estudar, levantar hipótese, fazer experiências nem, realizar teste de significância. Tudo o que Deus faz é bom porque Ele está em tudo o que faz. Deus trabalha, desde sempre, e em Deus tudo é gratuidade.

Num dado momento, por Sua palavra (Verbo divino) Deus fez o barro; depois, por Sua Palavra (o Verbo divino) Deus moldou o barro e soprou nele: e eis o humano, um ser vivente, um ser livre-pensante, feito à imagem e semelhança do seu Criador!

Aquele que fez o barro, moldou-o e deu-lhe o sopro de vida. Obrigado, meu Deus!… Aleluia!… 

Ó liberdade!… por onde levaste o ser humano? Por tua causa, ele afastou-se da fonte da graça. E eis que o próprio Verbo divino (Jesus Cristo) foi enviado ao barro para resgatar o ser humano do infortúnio, da desgraça. Obrigado, Senhor!… Aleluia!…




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *