QUESTÃO 375 – YOUCAT: DE QUE MODO A AUTORIDADE É CORRETAMENTE EXERCIDA?

(Em edição)

QUESTÃO 375: DE QUE MODO A AUTORIDADE É CORRETAMENTE EXERCIDA?

 

servico-de-cristo

A autoridade cristã é exercida no amoroso serviço.

YouCat responde: A autoridade é corretamente exercida quando é entendida, a exemplo de Jesus, como um serviço. Ela nunca deve ser arbitrária [2234-2237, 2254]

E continua: Jesus mostrou-nos, de uma vez por todas, como se deve exercer a autoridade. Ele, a maior autoridade, serviu e colocou-Se em último lugar. Jesus até lavou os pés dos Seus discípulos (Jo 13, 1-20). A autoridade dos pais, professores, educadores e chefes é dada por Deus, não para dominar os que lhes foram confiados, mas para entenderem e exercerem sua tarefa de guiar e educar como um serviço. 325.

Citações:

  • Quem entre vós quiser tornar-se grande seja vosso servo, e quem entre vós quiser ser o primeiro seja vosso escravo! Será como o filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a vida pela redenção dos homens. (Mt 20, 27- 28)

REFLEXÃO

Autoridade que se faz amor

A Sagrada Escritura ensina que Deus é amor e que amar significa doar-se, e nisto Jesus é o Mestre Supremo. Em Jesus, é Deus mesmo quem Se doa em favor da salvação de todo ser humano de boa vontade. E todo aquele que se coloca a serviço, gratuitamente, entrega-se em favor de um bem maior, é em favor d’Aquele que tudo salva e santifica o que faz.

“Jesus, porém, os chamou e lhes disse: Sabeis que os chefes das nações as subjugam, e que os grandes as governam com autoridade. Não seja assim entre vós. Todo aquele que quiser tornar-se grande entre vós, se faça vosso servo. E o que quiser tornar-se entre vós o primeiro, se faça vosso escravo. Assim como o Filho do Homem veio, não para ser servido, mas para servir e dar sua vida em resgate por uma multidão.” (Mt 20, 25-28 – Bíblia Ave Maria).

Ninguém manifesta maior amor do que aquele que dá a vida por seus amigos. (Jo 15, 13) E, antes de amar meu irmão, sou convocado a amar a Deus.

Quem ama a Deus sobre todas as coisas está pronto para amar o irmão; e é amando o meu irmão que posso provar meu amor para com Deus. E tem ainda uma coisa a observar: na minha relação para com Deus e o meu irmão, meu amor próprio ficará sempre em último lugar.

Mergulhado no amor de Deus e do meu irmão, se preciso for, até à morte; em Deus ressurgirei, certamente, para a glória eterna, não por causa da morte mas, por causa do amor, que é Deus mesmo!
 
Neste mundo, meu Senhor, Teu amor é cálice de amargura!… No outro, entretanto, é formosura, é glória eterna; Tua autoridade, suave doçura!…
 
Aleluia, meu Senhor!…



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *