QUESTÃO 351 – YOUCAT: NÃO ESTÃO ULTRAPASSADOS OS DEZ MANDAMENTOS?

(Em edição)

QUESTÃO 351: NÃO ESTÃO ULTRAPASSADOS OS DEZ MANDAMENTOS?

DezManda-hebreus-e-fenicios-10-728

http://pt.slideshare.net/carlosvieira/hebreus-e-fenicios-2691859

 

dez-mandamentos--judaismo

YouCat responde: Não. Os Dez mandamentos não estão condicionados pelo tempo. Neles estão expressos os deveres fundamentais do ser humano perante Deus e o próximo. São válidos por todos os tempos e lugares. [2070-2072]

E continua: Os Dez Mandamentos são Mandamentos da razão mas também fazem parte da Revelação de Deus. São tão fundamentais na sua obrigatoriedade que ninguém se pode dispensar de os cumprir.

Citações:

  • DECÁLOGO (gr. deka = dez e logos = palavra. “dez palavras”. Os Dez Mandamentos são o resumo principal das regras fundamentais do comportamento humano no Antigo Testamento. Por esta série fundamental se orientam tanto os judeus quanto os cristãos.

REFLEXÃO

Deus é eterno, e o destino do ser humano é a eternidade, em Deus. Apesar dos milênios de existência da humanidade, apasar do chamado desenvolvimento científico-tecnológica, fruto da “suposta evolução mental”, o ser humano continua o mesmo mortal, ontem, hoje e sempre; um ser estígmatizado, submtido à corrupção, pelo pecado. 

Desobediência, violência contra Deus e contra a vida, desejos descontrolados, infidelidade, etc., etc,…, constituem o pão quotidiano, alimento perverso que inebria a alma humana e a afasta de seu Criador, desde a desobediência primeira, ainda no Jardim do Édem.

Pecado e mandamento, subversão e chamado à correção, nasceram e caminham juntos, são companheiros inseparáveis do ser humano, de todos os tempos, status e lugares; e nisto, também, se vê o poder e a misericórdia de Deus a serviço da humanidade.

Assim, os Dez Mandamentos, a nós destinados, somente serão descartáveis quando Deus concluir Seu misericordioso plano de Salvação, de resgate da ovelha perdida, pelos méritos de Nosso Senhor Jesus Cristo.



Pedro Furtado Leite Engenheiro Florestal aposentado.