QUESTÃO 354 – YOUCAT: PODEMOS FORÇAR ALGUÉM A CRER EM DEUS?

(Em edição)

QUESTÃO 354: PODEMOS FORÇAR ALGUÉM A CRER EM DEUS?

 

A fé leva a razão à crença e à adesão  Fotos: https:// mccaracatuba.wordpress.com/2013/01/22/youcat-youth-catechism-catecismo-jovem-da-igreja-catolica-questao-354/

Fé-crer-em-deus

YouCat responde: Não. Ninguém deve forçar os outros, mesmo os próprios filhos, a ter fé, como ninguém deve ser forçado a não crer. O ser humano só pode optar pela fé em total liberdade. Não obstante, os cristãos são chamados, pela palavra e pelo exemplo, a ajudarem as outras pesoas a encontrar o caminho da fé. [2104-2109, 2137].

E continua: O Papa João Paulo II dizia: “O anúncio e o testemunho de Cristo, quando feitos no respeito pelas consciências, não violam a liberdade. A fé exige a livre adesão do ser humano, mas tem de ser proposta.” (Redemptoris missio, n.º 8.).

Citações:

  • O se humano não consegue subsistir sem adorar algo. Fiódor Dostoiévski ( escritor, filósofo e jornalista russo, considerado um dos maiores romancistas da história e um dos mais inovadores artistas de todos os tempos. Wikipédia.
  • Não impomos a ninguém a nossa fé. Um semelhante gênero de proselitismo é contrário ao Cristiasnismo. A fé pode desenvolver-se unicamente na liberdade. Mas é à liberdade do ser humano que apelamos para que se abra a Deus, O procure, O ouça. Bento XVI 10.09.2006.

REFLEXÃO

PODEMOS FORÇAR ALGUÉM A CRER EM DEUS?

Fé, força e amor

A fé, esperançosa certeza e alegria da alma, pacifica a razão e a leva à compreensão e ao convencimento; mas, por imposição, não se crê e não se ama, não se tem esperança, não haverá ressurreição. A fé tem o amor por meta, por origem e fundamento. A imposição, com ou sem razão, é violência, não traz alento, dissipa a fé, destrói o amor, sangra o coração. 

Como forçar o rio a abandonar seu curso, o vento, a sua direção? Como levar a lebre a imitar o urso, e a zebra, o leão? …  E como fazer a garça voar com a mariposa, desfilar cheia de graça, e tomar sopa com a raposa, unidas em refeição? Pois, difícil também é levar o ser humano a trocar de crença, de fé, desfazer enganos e mudar de opinição! 

Rio e vento, lebre e urso, zebra e leão, e o intrépido e hábil ser humano, em sadio e justo uso da razão, andam por caminhos próprios, criados naturalmente, percorridos a gerações. Não os dão por certos ou errados, pois são trilhas ancestrais, escolhidas e respeitadas, a que estão afeiçoados, em suas vidas, em suas lidas, segundo conveniências, circunstâncias e aptidões.

O que faz mudar as pessoas são as forças que lhes vem de dentro, do mais íntimo do seu ser, de Deus mesmo, fonte de amor, da alma o alimento. Deus inspira, conduz e alegra o coração, remove os obstáculos e estabelece a harmonia entre a fé e a razão.

É em Deus mesmo que se encontra a solução. Em Deus, rios e ventos rompem barreiras; pastam unidos, lebre, ursos, zebra e leão; garça e mariposa juntas voam, e com a raposa, podem fazer refeição. Deus mesmo vem iluminar a mente humana e pacificar-lhe o coração. 



Pedro Furtado Leite Engenheiro Florestal aposentado.